A Lenda David Cardoso

Robert de Niro e a lenda. Adivinhe qual destes dois tem o melhor currículo em termos de mulheres…

No esquenta para o lançamento de meu novo livro, encontro com David Cardoso, meu herói (e também sinatrófilo, quem diria).
Todos os desejos de minha geração se despiram diante das câmeras deste homem: Vera Fischer, Sandra Bréa (minha primeira paixão televisiva), Tássia Camargo (a quem ele odiou), Matilde Mastrangi, Zélia Martins, Helena Ramos, além de um longo e respeitável etc.
Algumas disseram sim para ele, como La Fischer. Outras não, como a Matilde, cuja bunda fez mais pelo cinema nacional do que o Ancine.

Tudo bem: quando nossos heróis falham, eles ganham uma dimensão mais humana.

Se Cardoso filmasse nos EUA, penso que Tarantino renderia sua homenagem ao homem, como fez com Russ Meyer em Death Proof, inspirado no universo de “Faster Pussycat Kill! Kill!”
Claro: Meyer e Cardoso são absolutamente diferentes.
Meyer closava em peitos, Cardoso privilegiava as bundas.
Sua cinematografia é uma lembrança de quando existiam bundas, extintas nessa era de celebração da anorexia. Ele imortalizou as melhores. Imagino Cardoso, grande conhecedor, gargalhando quando alguém fala da suposta bunda da Pippa…
Todo homem da minha idade tem uma dívida de gratidão imensa com David Cardoso. Estou feliz de ter saldado pelo menos em parte meu débito, declarando minha admiração pelo homem pessoalmente.

PS – As primeiras palavras que trocamos: EU: “Li sua autobiografia.” Ele: “Azar o seu.”
Grande David Cardoso

David Cardoso e Renzo Mora. Sim, ele já andou ao lado de descendentes de italianos mais qualificados…

5 Respostas para “A Lenda David Cardoso

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s