O que aconteceria se marqueteiros e publicitários fossem alfabetizados?

O banco Santander possui um serviço VIP para seus clientes. Segundo o site da instituição, os “Serviços Van Gogh do Santander oferecem um relacionamento individualizado, com toda simplicidade e transparência que você merece, buscando sempre superar suas expectativas.
Com eles você recebe os melhores serviços de alta renda do mercado, com atendimento personalizado e produtos criados de acordo com seu perfil.”
Ótimo.
Então, clientes especiais, com grana no banco, tem o serviço Van Gogh.
Será que os idealizadores do serviço pesquisaram a vida do pintor neerlandês? Se sim, poderiam descobrir que sua vida foi marcada por uma série de fracassos.
Foi incapaz de constituir família, custear a própria subsistência ou até mesmo manter contatos sociais. Aos 37 anos, sucumbiu a uma doença mental, suicidando-se, depois de semanas de paranoia, imaginando que queriam matá-lo.
Ou seja, se era para homenagear um artista com seu serviço VIP, por que escolher logo um esquizofrênico, que só vendeu um quadro na vida, não tinha a menor habilidade financeira e imaginava que cortar a própria orelha para dar de presente a uma prostituta fosse uma demonstração aceitável de apreço?
Em outras palavras, se você tivesse que colocar suas economias na mão de um artista, escolheria o Van Gogh?
Eu sugeriria homenagear o Coolidge
Ou, melhor ainda: Se é para homenagear um artista esquizofrênico, por que não o bailarino russo Vaslav Nijinsky? A homossexualidade de Nijinsky podia até virar mote de campanha, tipo: “De fundos a gente entende como ninguém”


Tá louca, meu bem? Eu não quero ver seus fundos de investimento. Nem Morta.

Eu recomendo aplicar nos fundos de renda fixa, que estão bombando, face aos atuais níveis de juros fixados pelo Banco Central. Além disso, você leva minha outra orelha de brinde…

Serviços Coolidge. Aqui você é tratado como cachorro, mas seu dinheiro recebe o maior carinho.

Anúncios

2 Respostas para “O que aconteceria se marqueteiros e publicitários fossem alfabetizados?

  1. um fragmento da obra que abalará o mundo

    “a verdadeira história do porco e da formiga”

    o processo de descrucificação

    a mulher morreu
    a buceta de uma mulher morta
    eu enfiei o braço inteiro
    eu arranquei o meu porquinho
    ele caminhará sobre a lama

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s