Jesus Luz Reinventa a Arte da Discotecagem e Segue Para Ser O Maior DJ do Planeta

Para os filisteus, que insistem em afirmar que ser DJ não é uma arte, Jesus Luz deu uma demonstração inequívoca de que a discotecagem não é para qualquer um.
Seu evento, Luz Para o Haiti, combina filantropia com arte. “O evento ia se chamar “Jesus Para o Haiti”, mas as pessoas podiam confundir com o outro Jesus, aquele da Igreja, então a gente fez o “Luz Para o Haiti” ” informa o promotor do evento.
Jesus nos recebeu para uma breve entrevista, não sem antes de seu assessor de imprensa listar os assuntos proibidos: “Ele não fala sobre o relacionamento com a Madonna, sobre os livros de James Joyce, sobre o Colisor de Hádrons que vai recriar o Big Bang promovendo o choque de partículas, sobre a política boliviana e nenhuma – repito – nenhuma palavra sobre as novidades da cozinha sino-ibérica”.
Isto posto, Jesus nos agraciou uma breve entrevista:
– Jesus, como você dominou tão rapidamente a arte de ser DJ?
– Meu, é complicado porque as pessoas esquecem que o vinil, ao contrário do CD, tem dois lados, então dobra a chance de erro na hora de colocar o disco. Fora isso, Tem aquele botão da flechinha, o Play, tem aquele do quadradinho, o Stop, e mais um monte de comandos, de ir para frente, ir para trás. Mas acho que a música tá no sangue, véio, e com cinco meses de treinamento eu já encaixava o vinil direitinho naquele pininho central.
– Como você compara seu trabalho com o do outro Jesus?
– Olha, o Jesus Cristo transformou água em vinho naquele casamento na Galiléia. Isso prova que ele sabia animar as baladas. Todo mundo sabe que o cara que leva goró na festa é o cara que anima o pedaço, tá ligado, e eu levo música para a balada. Então, basicamente, a gente faz o mesmo trabalho.
– Como você se envolveu com a causa do Haiti?
– Meu, o povo da Bahia já sofreu muito, tinha o ACM, a seca, o Carlinhos Brown, então é um povo muito assim, tipo, muito necessitado. Então, quando aconteceu o furacão eu falei “Meu, tem que ajudar essa gente”.
Porra, meu, você liga a televisão e só tem desgraça, as ruas estão acabadas, não tem como passar o Trio Elétrico, então a recuperação do Haiti tem que começar antes do Carnaval.
– E o teu set list?
– Olha, tem de tudo. Eu toco “Churrasquinho de Mãe”, do Teixeirinha, porque, com a Madonna, eu às vezes tenho vontade de colocar fogo na véia, quando ela vem com aquele papo de Cavala, Cabacra, aquele lance da fitinha, então é uma música assim, que fala ao coração, tá ligado. O hino nacional da Alsácia é para prestigiar o World Music, tá ligado, eu tô inserido na globalização, tipo assim, do planeta mesmo. Eu acho, aliás, que a globalização tem que ser global, do planeta Terra mesmo. Para lembrar da namorada eu toco sempre “True Colors”, que é do comecinho da carreira dela, da época dos “Embalos de Sábado à Noite”.
– True Colors não é da Cyndi Lauper?
– Meu, Cyndi Lauper, Madonna, é tudo a mesma coisa. É assim, tipo, o Poltergeist mesmo, o espírito da época.
– Zeitgeist?
– Não, esse eu não toco, mas vou ouvir. Meu, muita luz para o Haiti, para o Nordeste, para a Bahia. Furacão nunca mais! Tchau.

Anúncios

11 Respostas para “Jesus Luz Reinventa a Arte da Discotecagem e Segue Para Ser O Maior DJ do Planeta

  1. Aposto que antes de virar apertador de play, esse Jesus aí nem sabia o significado da expressão “virar o disco”, sendo acostumado apenas com a expressão adaptada para a geração dos cds e dvds, “trocar a faixa”.

    • Sei Não, André…
      Muitos modelos e manequins viram o disco de vez em quando, em situações de busca de trabalho. Acho que ele não era totalmente estranho ao hábito de virar o disco não…
      Abração
      Renzo

  2. Pingback: Osama bin de Volta às Paradas « Renzo Mora

  3. Cara só pode ser brincadeira uma entrevista dessas, reinventa a arte da discotecagem? Pera ai, o cara não sabe nem virar uma musica, toca cds mixados (o alemão Dj Tocadisco sabe muito bem disso) e descobriu a 6 meses que o “LP” tem 2 lados.
    As respostas “Tipo assim” sem nada a ver, o povo da bahia ja sofreu demais por causa do Carlinhos Brown??
    Tenho sérias duvidas se ele não usa drogas e pesadas viu ou encarnou um Caetano Veloso com disturbio mental.
    Ri demais com essa matéria….

    • Marquinho:
      Sou forçado a admitir que inventei a entrevista.
      Mas se o entrevistasse pessoalmente, acho que o resultado seria ainda pior.
      Duvido que ele consiga achar o Haiti em um mapa. Ou o Brasil. Ou o Oceano Atlântico.
      Luz Para o Haiti é uma das coisas mais engraçadas que já aconteceram no país, onde a concorrência é pesada…
      Abraços – e tomara que seus concorrentes continuem nesse nível – vai sobrar trabalho para vcs.
      Abração

      Renzo

      • Olá Renzo, tembém imaginei que fosse uma brincadeira, mas não é só o “Jisuis Luiz” que ATRAPALHA a vida dos djs de verdade, temos hoje atores globais, ex-BBBs que se metem à “arranhar” os discos e acabam deixando a idéia de que Dj qualquer um pode ser.
        Ontem mesmo mudando os canais da tv para achar algo interessante (coisa muito dificil na tv), me deparo com o Baladão do Faustão, onde atores globais se fantasiam de dj com bailarinos e fingem saber tocar.
        Não sei onte isso vai parar, logo teremos willian Bonner nas carrapetas…. vai ser fantástico!

  4. Olha é assim, como dj ele é um excelente modelo e nunca passará disso, não sõ um, dois ou tres djs que falam, e outros que confirmam que ele toca sets já mixados por outros profissionais, o cara é um fake sem tamanho e ainda tem coragem de cobrar ( e tem idiota que paga) 40 mil reais de cache ´ra um figurunha deste, passagem executiva comida japonesa, vodca e champanhe pro bunitinho, ainda hotel 5 estrelas e 4 seguranças, pra que???quem era ele antes da madonna???ninguem, um furreca que desfilava e nem nome tinha por aí, mas como ele virou o brinquedinho de fuder da madonna virou esa febre toda.Sou dj a pelo menos 25 anos, se ele realmente for dj quero que ponha duas cdjs na frente dele, eu escolho duas musicas apenas para ele mixar e ele pode escolher qualquer uma para eu mixar, vamos ver o que é ter tecnica de verdade, o cara nem saber falar direito sabe, quanto mais mixar, alguem entendeu metade das groselhas que ele falou nesta entrevista???nem eu!!!!e o mais querem ver as mais variadas coisas sobre ele, vai nesta comunidade de djs…http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=1097059&tid=5441392885937192513…e tem muitos mais daonde veio este!!!gente acorda pra vida!!!ele ta brincando com uma profissão que dá muita honra para nós djs profissionais de verdade que pagamos nossas contas e honramos o que fazemos, não permitam que um fake deste faça isso com esta profissão pois quando ele cansar vai querer virar ator…gde abç a tds e acorda Brasil

    • Amigo Brambila:
      Você leu o post ou só o título?
      As respostas foram inventadas por mim, nunca falei com Jesus (nenhum dos dois, nem o Cristo nem o Luz).
      Abração
      Renzo

  5. Jesus Luz Reinventa a Arte da Discotecagem e Segue Para Ser O Maior DJ do Planeta….quando????aonde???ele nem sabe o que é uma mixer!!!não façam uma blasfemea assim com os djs….dj precisa saber mixar, precisa ter conhecimento musical variado, precisa conhecer um equipamento, precisa de humor, precisa ser talentoso de fato!!!atributos que este fake aí não tem!!!procurem na internet o que o dj alemão tocadisco falou sobre essa figura aí, ele procurou o dj que tb é produtor e pediu que ele produzisse um cd para ele poder tocar na festa!!!é simples, vejam djs profissionais de fato e olhem se eles tem tempo de ficar subindo em cima de mesinha pra fazer dancinha…não vão ver…sabe por que….porque simplesmente viradas, efeitos, e outros detalhes não se fazem sozinho, apurem os fatos, ninguem vira dj em 5 meses, o domingão do falastrão tentou sem sucesso fabricar djs artistas,levam um cd ja mixado pelo dellanese e finjem que estão tocando no palco!!!dá pra ver a cara de desespero que eles ficam sem ter conhecimento do equipamento e nem saber qual efeito eles finjirão que vão fazer na proxima virada!!!
    senhor renzo mora, conheça mais sobre a cultura dos djs, absorva conhecimento primeiro e o senhor como um bom jornalista nunca mais escreva um absurdo destes!!!
    dj é profissão seria, reconhecida no brasil e tem profissionais serios que não admitem uma barbaridade destas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s