Was will das Weib?, como diria o Sigmund…

“Die grosse Frage, die nie beantwortet worden ist und die ich trotz dreißig Jahre langem Forschen in der weiblichen Seele nie habe beantworten können, ist die:

‘Was will das Weib?’”.

Traduzindo: “A grande questão que nunca foi respondida, e que eu ainda não fui capaz de responder, apesar de de meus trinta anos de pesquisas sobre a alma feminina, é ‘O que querem as mulheres?’”.

A declaração é de Sigmund Freud, em carta endereçada a Marie  Bonaparte, citada no livro Sigmund Freud: Life and Work (1955), de Ernest Jones.

Lembro do veterano psicólogo a respeito da notícia publicada pela Folha de São Paulo de hoje, que diz:

ESTRELA NO DIVÃ

Grazi Massafera diz que começou a fazer análise “por falta de amigos sinceros”. A afirmação foi feita no programa de Marília Gabriela, no GNT. Na conversa, a atriz, que está no elenco da próxima novela das sete da Globo, “Tempos Modernos”, também falou sobre sua relação com a fama: “Você encontra muita gente amargurada, muito vampiro que tenta sugar você, sua energia”. A entrevista vai ao ar neste mês.

Grazi, anda logo que o jantar na casa do Luciano Huck vai começar às oito.

Bem, não acompanho com grande interesse a vida da “estrela no divã”, até porque ela tem umas pernas muito finas (para referências sobre como pernas femininas devem ser, sugiro ver os posts sobre Cleo Pires e Maria Beltrão) .

Sei que ela saiu de um reality show (prova inequívoca de talento) e suponho que, antes disso, fosse uma suburbana cercada de colegas tentando comê-la nos churrascos de escritório ou aniversários de crianças dos vizinhos.

Ao escapar do subúrbio e alcançar a fama como atriz de telenovela, trabalho que demanda o máximo da capacidade interpretativa de qualquer profissional,  os colegas mal intencionados foram substituídos por “vampiros tentando sugar seu brilho de estrela”.

Ou seja, não estava bom como gostosa anônima e não está bom como estrela global.

Was will das Weib?

Anúncios

2 Respostas para “Was will das Weib?, como diria o Sigmund…

  1. Die grosse Frage continuará sem resposta, caro Renzo. Porém, como diz aquele outro personagem germânico, o do comercial da Schin: olha os detalhes, atente para o olhar nonchalant de Nosferatu. Quem sabe não estará ali parte da resposta?

    • Vlad:
      Pode ser…
      Quem sabe é este o romance que tirará nossa Meryl Streep tropical de sua crise existencial.
      Abração

      Renzo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s