“Você Quer Me Ver Morrer?” Pergunta o Assassino.

A História Verdadeira, de Michael Finkel (Editora Planeta, 336 páginas, R$ 40), é um dos livros mais fascinantes de não-ficção que já li.

Finkel foi despedido de um dos cargos mais prestigiosos da imprensa mundial – o posto de repórter do The New York Times, em 2001.

Michael Finkel

Seu pecado foi “costurar” uma série de depoimentos de escravos africanos para compor um só personagem. A checagem do jornal descobriu a farsa e o colocou para fora. Deprimido, em casa, recebe a ligação de outro jornalista. Para sua surpresa, um homem que havia assassinado a própria família (esposa e três filhos) estava usando seu nome para se esconder. Vivendo no México, o assassino Christian Longo se apresentava como “Michael Finkel, repórter do New York Times”.

Longo e suas vítimas: a esposa e os três filhos

Sem mais nada a perder em termos profissionais, Finkel decide encontrar Longo. Uma relação de atração e repulsa se desenrola entre os dois. Longo nunca chega a admitir o crime – ou a negá-lo. Uma série de encontros pessoais e de trocas de cartas e telefonemas cimenta a “amizade” (se podemos chamar assim) que virou livro.

Agora a Esquire publica o que poderia ser o epílogo da história.

Longo (o ruivo) conversa com Finkel no corredor da morte

“Quando Christian Longo perguntou se eu queria vê-lo morrer, eu disse que sim.” Escreveu Finkel, abrindo o artigo, complementando “Ele me perguntou pelo telefone, ligando a cobrar de dentro de sua cela… na ala dos condenados à morte da Oregon State Penitentiary. A razão pela qual ele queria morrer era extremamente simples. Depois de meia década passada dentro de uma caixa de concreto branca por mais de 21 horas por dia, tendo apenas assassinos como vizinhos e nenhuma perspectiva de ver o mundo lá fora novamente, ele estava farto”.

Ao final do encontro, Longo finalmente confessa em detalhes arrepiantes os assassinatos para Finkel.

MaryJane Longo sorri para a câmera de seu assassino

Sugiro os dois: Ler o livro e fechar com a reportagem.

Anúncios

2 Respostas para ““Você Quer Me Ver Morrer?” Pergunta o Assassino.

  1. Acabei de assistir ao filme A História Verdadeira e amei. Mas fico me perguntando quanto do livro realmente foi parar nas telas. Quanto do livro possa ter sido alterado, ou se o diretor foi fiel à obra escrita. Acho que o nobre blogueiro poderia escrever a respeito. O que acha?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s