Lambada e outras Tragédias

Não sei se Lambada, a Dança Proibida (The Forbidden Dance – 1990)  é o pior filme do mundo. Não está entre os melhores, é claro, mas pode haver coisa pior circulando por aí.

A película, dirigida por Greydon Clark, anuncia: “Se fosse mais quente, eles não estariam dançando”.

Laura Harring, a deslumbrante mexicana que protagoniza a obra, conseguiu escapar com vida do fiasco

e chegou a filmar com David Lynch o fascinante “Cidade dos Sonhos” (Mulholland Dr. – 2001), ao lado de Naomi Watts

embora depois disso sua carreira esteja naufragando em participações especiais em séries de TV.

Existe um merchandising despudorado aqui.

Estou propagandeando meu novo livro, “Cinema Falado”, que trará como bônus os “25 Filmes Que Podem Arruinar Sua Vida”, elencando (êpa) um quarto de centena das piores tranqueiras que já assisti – e Lambada está orgulhosamente entre eles.

Não se trata de um levantamento dos piores filmes do mundo – e sim dos piores que eu já assisti – existe uma pequena diferença aqui..

Capa_Falado

Capa_Piores

Rita Kempley, do Washington Post, resistiu à provação de assistir à obra e escreveu: “Nisa (Laura) dança – mexendo suas maracas por dinheiro – até ser salva por Jason, e ambos entram em um concurso nacional de dança patrocinado pelo King Creole and the Coconuts. Se vencerem, terão a oportunidade de aparecer na TV e contar à América que ela deve parar de destruir a floresta brasileira. Não vamos ligar para o fato do Brasil estar fazendo um excelente trabalho ao destruir ele mesmo sua floresta”

Andrew Borntreger, do site badmovies.org teve mais senso de humor em sua avaliação do filme:

“ O lance aqui é que  “Lambada” não é sobre a Lambada, mas sobre salvar a floresta usando a Lambada. Isso, meus amigos, é chamado de nuance…  Por um momento, eu pensei que o discurso de Nisa fosse realmente salvar a floresta. Então percebi que depois de contemplarem por dois ou três segundos como o mundo seria uma droga sem as árvores, as pessoas foram imediatamente distraídas por sua necessidade de dançar lambada pelo resto da noite. Acho que o povo de Nisa vai perder sua terra de qualquer modo, mas pelo menos ela apareceu na TV.
O mundo seria um lugar muito melhor se as pessoas parassem de tentar dançar e, ao invés disso, dedicassem seu tempo a salvar a floresta” conclui Borntreger, acrescentando”Diabos, o mundo seria muito melhor se as pessoas fizessem qualquer coisa com seu tempo ao invés de tentarem dançar. Vocês sabem quem são”

De qualquer forma, como a obra não está disponível em DVD, ofereço a vocês um pequeno – e revelador – trecho de “Lambada – A Dança Proibida”

Terá a lambada morrido?

Não – ela segue influenciando pessoas ao redor do mundo – como prova esta pequena joia em vídeo a seguir.

Aonde quer que duas pessoas estejam roçando melodicamente a genitália, lá estará a lambada, lá estaremos nós, lá estará o seu, o meu, o nosso Brasil.

2 Respostas para “Lambada e outras Tragédias

  1. Gostaria de saber se esta mulher é casada, e viuva, o que ela é hoje, uma das mulheres + bonita vista na tela de cinema, é ela e a mulher do Michel Douglas., Catharine……

    • Karlão:
      Segundo o IMDB, nossa Laurinha foi casada com o Conde Carl-Eduard von Bismarck-Schönhausen entre 1987 e 1989, de quem se divorciou. Foi Miss USA em 1985.
      Não confundir com a Catherine Zeta-Jones, casada com o Michael Douglas desde 2000.
      Abração
      Renzo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s