Privatiza Logo Esse Troço

Há tempos escrevi que “A Petrobras… É uma combinação asquerosa de soft power (patrocínios) com hard power (processos milionários e – repito – desumanos).
Se o governo Lula, não exatamente conhecido pelo apego aos valores republicanos, está montando uma tropa de choque para melar a CPI é porque tem muita sujeira embaixo do tapete.
Tomara que o fantasma do Paulo Francis saia do Metropolitan (que é onde ele disse que iria morar depois de morrer) e atrapalhe muito a vida da empresa.”

Se alguém achava que era exagero,vai aí o texto de  Igor Gielow na Folha de São Paulo de hoje:

A transparência dos brucutus

“BRASÍLIA – Tem a cara do governo Lula a nova diretiva de comunicação da Petrobras em tempos de guerra, aliás, CPI. A empresa inaugurou um blog no qual faz comentários, digamos assim, editoriais sobre reportagens que lhe dizem respeito. Mas não é só isso.
Questionamentos de jornalistas são publicados com as respostas que o Oráculo de Macaé achar adequadas. A Petrobras alega que isso é uma inovadora política de transparência de informações públicas.
Cascata. O objetivo é tentar esvaziar a bola das denúncias que inevitavelmente chegarão a seu balcão, contrainformação pura. Há uma quebra de contrato ao divulgar as informações de que os jornalistas dispõem, não raramente peças de quebra-cabeça ainda em formação.
Pior, se publicadas apressadamente, erros podem ser cometidos. O blog alega ridiculamente que não divulga mensagens dos jornalistas, mas “apenas” seu conteúdo. Ah, tá.
Com isso, a Petrobras acha que vai desestimular as apurações -isso para não falar em ética jogada ao ralo. Além de brucutu, a teoria é burra: tudo o que a empresa ganhará em troca será mais ânimo investigativo da imprensa, além da já mencionada chance de ser vítima de erros.
A leitura (http://petrobrasfatosedados.wordpress.com) é reveladora. Abundam comentários laudatórios -deve ser a tal transparência em ação. A imprensa é pintada como o diabo, como de resto crê mesmo o governo. Isso é um daqueles ranços que não tem “Carta ao Povo Brasileiro” que apague do coração dos petistas que aparelharam a empresa e o Planalto.
O dirigismo é primário. Notas do “Painel” desta Folha sobre a estratégia da empresa para a CPI são criticadas; informações da mesma seção sobre o que os tucanos estão aprontando são destacadas. Alguém no Oráculo, ou na Secretaria de Comunicação Social, deve considerar isso exemplo de isenção.”

Espero que um dia privatizem esse troço.

Mas vale lembrar que a estratégia brucutu da Petrobras não começou com o Lula. O processo contra o Paulo Francis data do Governo FHC.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s