Kaufman, Letterman e… Courbet???

Andy Kaufman no auto-retrato de Courbet

Andy Kaufman no auto-retrato de Courbet

Trecho da biografia de Andy Kaufman, “Lost In The Fun House”, escrita por Bill Zehme:

“Ele (Andy) era sempre meticuloso no planejamento de suas aparições no (programa de David) Letterman – já que o Late Show era o único fórum que tinha sobrado. O próprio Letterman ficava maravilhado com a dedicação de Andy “Ele era o melhor para a gente. Ninguém era tão cuidadoso e preparava-se tanto quanto Andy em suas performances. Cada uma delas era algo que ele tinha orquestrado, ensaiado e imaginado para gerar o máximo de impacto… e qualquer que fosse a repercussão, boa ou ruim, ele gostava. Ninguém arrebentava um lugar como ele”

Quando veio o diagnóstico do câncer que iria matá-lo aos 35 anos, Zehme escreveu:

“Ele ouviu a palavra inoperável mas não incurável. Isso foi tudo o que ele ouviu. Era difícil entender o que ele tinha ouvido… George (Shapiro, seu agente) tinha ido ao Cedars-Sinai (Hospital) para ouvir o diagnóstico e sentou com ele. Ele disse “George, você tem que me agendar no Letterman no show depois do Natal, assim o David pode me perguntar: “Andy, o que você ganhou de Natal?” e eu posso dizer “Câncer”. Essa foi a primeira coisa que ele disse para mim depois de ouvir o médico.”

De alguma forma, esta montagem tirada do Freaking News, mostrando Kaufman no auto-retrato do pintor anarquista Gustave Courbet, não podia ilustrar melhor o único humorista dadaísta do mundo.

O retrato original de Courbet

O retrato original de Courbet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s